domingo, 30 de novembro de 2014

Confunda
Cor funda
Corcunda
Com suma
Consuma
Construa
Com tua
Consciência
Com ciência
Com fluência
Competência

Domingo
Sozinha
Escuro
Música
Alta
Calma
Chuva
Choro
Sofro.
Foda-se!

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Arrependida despedida:

Desculpa.
Adeus

Eu tenho que mudar por você
Abrir mão de mim pra viver o teu querer?
Você acha justo comigo?
Você acha justo contigo?
Viver com você
não pra você.

Repito no tema
Avanço no tempo
Resolvo o problema
No fim sempre venço.
Lutar pra conseguir
Me esforço pra vencer
Descanso um pouquim
Pro resto proceder.
A rima flui
Quando ver já fui
Não espero carinho
Tô sempre seguindo
Adiante, avante!

terça-feira, 4 de novembro de 2014

Obrigada por você
me fazer crer
que é possível fazer
aquilo que a gente crer
acontecer.
Eu e os besouros
nas noites de choro
no silêncio da noite ouço um zunido
não é mosquito
é outro besouro .